Brook Preloader

[PATROCINADORA MOSTRA BID BRASIL] Sistema Gênesis da IMBEL é empregado no 1º Tiro Digital de Artilharia do Exército

[PATROCINADORA MOSTRA BID BRASIL] Sistema Gênesis da IMBEL é empregado no 1º Tiro Digital de Artilharia do Exército

O Exército Brasileiro realizou o teste de integração do Sistema Gênesis da Indústria de Material Bélico do Brasil – IMBEL com meios blindados da Força Terrestre. Os testes dão continuidade ao Termo de Execução Descentralizada (TED) de integração, visando ratificar as soluções que a Fábrica de Material de Comunicações e Eletrônica (FMCE) apresentou para a estrutura de comunicações, necessárias à operação com os equipamentos rádios das viaturas dos Grupos de Artilharia Auto-propulssados.

O Sistema Gênesis de Coordenação e Direção de Tiro é um sistema computadorizado nível Brigada, que objetiva substituir os métodos tradicionais, de forma a atender às necessidades de apoio de fogo das armas de Infantaria, Cavalaria e Artilharia.

Dotado de equipamentos robustecidos, apropriados para o emprego em campanha, o sistema possibilita maior precisão e um expressivo ganho de velocidade no processamento das missões de tiro, permitindo que o comandante intervenha no combate pelo fogo no momento oportuno e com munições e volumes adequados. A FMCE empregou operacionalmente, pela primeira vez, a sua Central de Interoperabilidade Modular (CIM-200), sendo todas as soluções apresentadas bem-sucedidas e consideradas imprescindíveis para a continuidade do TED de integração do Sistema Gênesis às VBC OAP M109 A5+BR.