Utilizamos cookies para garantir que você tenha a melhor experiência em nosso site. Se você continuar a usar este site, assumiremos que você concorda com a nossa política de privacidade, termos de uso e cookies.

A Ares está participando da XV Conferência de Ministros da Defesa das Américas (XV CMDA), que acontece até 29 de julho, em Brasília. Trata-se do principal encontro entre países das Américas no setor de defesa e segurança.
A empresa apresentará suas capacidades em Sistemas de Armas e Torres, ou seja, o domínio do ciclo tecnológico e toda a experiência do desenvolvimento ao Suporte do ciclo de vida do material, o que pode atrair o interesse de países vizinhos.  "Estamos dispostos a replicar o case de sucesso na produção, fornecimento e gestão dos sistemas de Armas na tropa para outros países. Hoje, em parceria com o Exército Brasileiro, mantemos os índices de disponibilidade do Remax acima dos 90% na tropa. São aproximadamente 300 sistemas espalhados pelo Brasil "prontos para", ou seja, em prontidão”, afirmou o Desenvolvedor de Negócios, Rafael Siqueira.

Sobre a CMDA
Criada em 1995, a CMDA é integrada e dirigida pelos Ministérios de Defesa ou Segurança dos Países das Américas, com a autorização dos governos de seus respectivos países. A cada dois anos, o país-sede do evento é alternado entre as 34 nações que compõem o fórum, e o Brasil é o anfitrião do biênio 2021/2022. Na programação, está prevista a apresentação dos resultados das discussões dos Grupos de Trabalho (GTs) realizados no decorrer deste biênio.  
Ao término do fórum, será assinada a Declaração de Brasília pelos Ministros da Defesa dos Estados-membros da CMDA, documento que assinala a agenda da XVI CMDA durante o biênio 2023/2024, os temas que serão estudados nos próximos Grupos de Trabalho, as conclusões dos debates e o compromisso dos Estados Membros no âmbito das Conferências.