Brook Preloader

ENTREVISTA – Frederico Medella, diretor de marketing da Ares

ENTREVISTA – Frederico Medella, diretor de marketing da Ares

A Ares, empresa com 50 anos de experiência e que assiste as Forças Armadas no desenvolvimento, produção, fornecimento e suporte logístico de produtos que atendem suas capacidades operacionais, é uma das participantes da Mostra BID Brasil. O diretor de marketing, Frederico Medella, falou sobre a importância do evento e destacou o que a empresa pretende levar para expor aos visitantes.

Mostra BID Brasil: Qual a importância da Mostra BID Brasil para a base de Defesa e Segurança do país?

Frederico Medella: Participamos desde a primeira edição porque a Mostra tem a nobre missão de promover capacidades, tecnologias, produtos e serviços de empresas da Base industrial de Defesa e apresentá-las para as Forças Armadas. A Ares, como empresa parceira das Forças Armadas há mais de cinco décadas, vê na Mostra BID mais uma oportunidade, já que a cada ano, o evento tem uma abrangência maior.

Mostra BID Brasil: Quais novidades a empresa deve apresentar nesta edição do evento?

Frederico Medella: Nosso objetivo nesta edição será apresentar os projetos de modernização de blindados que estão em curso no Exército Brasileiro, principalmente no Cascavel e Leopard. São capacidades acumuladas por meio dessa parceria com as Forças Armadas e que garantem soluções únicas e customizadas.

Entre as tecnologias estão optrônicos – que permitem uma visualização dos alvos mais precisa e clara, aumentando as distâncias de detecção, reconhecimento e identificação do carro de combate; Fire Control System (FCS) – computador central integrado ao sistema optrônico que faz automaticamente a leitura da distância e velocidade do alvo; giro estabilização – tecnologia que permite que a arma e sistemas optrônicos se mantenham na direção do alvo mesmo com movimento relativo da plataforma onde estes serão instalados e transmissão de potência e dados – produtos e sistemas próprios para garantir uma solução robusta na parte elétrica de alta potência. A lista de componentes de tecnologia própria inclui chicotes militarizados para alta corrente, Slipring mistos (potência e dados), entre outras.