Brook Preloader

[APOIADORA MOSTRA BID BRASIL] Produção industrial de SC mantém trajetória de recuperação, aponta Fiesc

[APOIADORA MOSTRA BID BRASIL] Produção industrial de SC mantém trajetória de recuperação, aponta Fiesc

Em janeiro, a produção industrial de Santa Catarina cresceu 10,1% no comparativo com o mesmo mês de 2020, mostram os dados do IBGE divulgados pelo Observatório FIESC. O resultado é o terceiro melhor do país, atrás apenas do Pará e Paraná. Dos 12 setores analisados, nove registraram variação positiva, com destaque para máquinas e equipamentos (32,5%), metalurgia (27,2%), vestuário e acessórios (23,7%), produtos têxteis (19,7%), veículos automotores (19,2%) e máquinas, aparelhos e materiais elétricos (18,9%). Veja aqui os dados completos

“É importante ressaltar que a magnitude desse resultado se deve em parte pela redução da atividade industrial que vinha ocorrendo desde o final de 2019, antes mesmo do início da pandemia. Porém, os números indicam a manutenção da tendência de melhora na produção a partir de setembro de 2020, sendo a quinta variação positiva consecutiva”, destaca a avaliação da FIESC.

Dois indicadores já sinalizavam para uma melhora na produção da indústria: o comportamento das importações do estado nos últimos meses, com alta nas compras externas de insumos usados no setor, além do mercado de trabalho – o segmento de transformação catarinense registrou o maior saldo de vagas do país em 2020.

A análise chama a atenção para alguns setores que foram fortemente afetados no ano passado, apresentando variação negativa ao longo dos meses, como é o caso de vestuário e acessórios e veículos automotores. São atividades que têm bastante influência pelo desempenho do mercado interno. Nos últimos meses de 2020 e no início de 2021 vêm demonstrando melhora na produção. O setor de metalurgia, que fornece para outros segmentos industriais, é outro que apresentou uma sequência de quedas na produção ao longo de 2020, mas a partir de novembro vem registrando variações positivas.